quinta-feira, 11 de outubro de 2007

ABNT

Recebi ontem a cópia da tese “corrigida” pela biblioteca da UFRGS. Nunca vi folhas tão rabiscadas em toda a minha vida. Nem mesmo a banca encontrou tantos erros no meu texto. É um tal de 2 espaços pra lá, quatro centímetros pra cá... Pior, elas acham que todos usam “Word” para digitar seus textos. Confesso, terei um trabalho do cão para colocar essa coisa toda nas normas.
Viva à ABNT e à sua contribuição para o desenvolvimento da ciência.

Um comentário:

Márcio Laurini disse...

Tive o mesmo problema com a minha dissertação de mestrado - deu muito mais trabalho corrigir a formatação do que os comentários da banca.
A UFRGS deveria fazer um template geral em latex para o formato de suas teses e dissertações, o que facilitaria muito para todos.