quinta-feira, 18 de outubro de 2007

ANGE I

Ontem assisti um debate estimulante na ANGE. Na mesa redonda entre o professor Lineu Maffezoli e um representante do COFECON, um fato foi consolidado: “o modelo neoclássico implementado no Brasil, nos últimos anos, é o culpado para a baixa empregabilidade dos profissionais de economia”. Solução: “resistir e mudar o sistema”.

Lembrei-me de um professor meu que disse: quando um problema é grande demais, deixa de ser um problema. Levantei-me e fui embora. Hoje vou discutir o ensino de métodos quantitativos e, dado que a palavra é minha, tenho a liberdade para falar o que eu quiser. Será emocionante.

4 comentários:

Chanis disse...

Não é o inverso: a baixa empregabilidade dos profissionais de economia é resultado da qualidade mediocre de boa parte dos cursos? Afinal, os estáticos ainda ensinam a ladainha de matriz insumo-produto, certo? É o que sempre digo: tenha medo, muito medo quando alguém fala uma besteria comica tão grande e tem poder na mão. Bela nota essa sua.

Márcio Laurini disse...

Horror ... o Horror

Pedro Henrique C.G. de Sant'Anna disse...

Estou curioso para ver a reação de todos!

Adriano disse...

Meu amigo Erik,

A ange não foi totalmente ruim!! "eles" falaram muita besteira, mas nos proporcionaram boas risadas!! Sem falar, que tomamos uma gelada e conversamos sobre ciência e as historias do mestrado.