quarta-feira, 31 de março de 2010

Realidade

Um artigo está submetido há Dez meses. O outro há nove. Nenhuma resposta. Nenhum email do Editor. Esta é a realidade de uma grande revista nacional.

Pouco...

Falta pouco. Dos seis pareceristas, cinco já deram o aval para a publicação. O último quis uma segunda rodada de modificações. Porém, ele só solicitou a inclusão de duas citações. Estou perto da aceitação plena no cenário internacional.

terça-feira, 30 de março de 2010

Manchete de Jornal

Dilma chora ao dizer que país não perderá conquistas do governo Lula e critica FHC.

Que coincidência, os parentes das vítimas do atentado terrorista ao Aeroporto dos Guararapes, Recife-PE, em 25 de julho de 1966, também estão chorando (AQUI).

sexta-feira, 26 de março de 2010

Esmurrando a ponta de uma faca

Mais uma vez me deparo com os absurdos do dia-a-dia, ou melhor, das redes sociais. Ao declarar apoio a Dilma Rousseff, um indivíduo enumerou os principais feitos da ministra inclusive o seu mestrado e o seu doutorado na Unicamp. Em suas palavras: doutora na área de economia monetária e financeira.

Questionei essas informações, dizendo que elas não passam de uma fraude, já comprovada. A primeira reação do admirador da Dilma foi rebater as minhas críticas afirmando que isso não era nada perto do que o Governador José Serra falou a respeito da gripe suína. Sinceramente não entendi, ou melhor, entendi: o primeiro passo para se livrar de uma crítica é criar uma cortina de fumaça e sumir no meio dela.

Pois bem, questionei que eu nem havia falado o nome de Serra. Ou melhor, o que isso teria a ver com a falsificação? Usando o mesmo raciocínio eu poderia dizer que perto do que o maníaco do parque fez, a declaração de Serra não é nada. Não fiz isso e insisti com o questionamento (estratégia que o produtor da fumaça mais detesta).

Reiterei que se tratava de um crime, falsidade ideológica. Então o cidadão falou que não era crime, pois ela não havia falsificado documentos. Eu falei que sim, pois o Lattes é um documento. Ou seja, segunda etapa: transforme crime em não-crime. Uma coisa do tipo: não foi caixa dois, foi dinheiro não contabilizado.

Insisti na tese do crime, mas recebi a resposta que seria um engano. Tal qual aquele de mandar agilizar o processo do filho do Sarney? Não, não perguntei isso, queria me concentrar no doutorado da Dilma. Então num último suspiro, surgiu a palavra “erro” (seria sinônimo de engano?).

Enfim, abandonei o debate. Minha conclusão foi: no Brasil, crimes são diminuídos quando comparados com coisas piores. Tipo, eu podia estar roubando, eu podia estar matando, mas estou só pedindo uma pequena extorsão para cuidar do seu carro numa via pública. Depois eles se transformam em enganos: queria atirar para cima, mas o revólver escapou e acabei descarregando a arma no peito de meu desafeto. Foram 6 tiros acidentais, um recarregamento acidental seguido de mais 6 tiros acidentais. Depois do engano vem o erro. Depois disso, só o exílio.

Meu desejo é ser perseguido pelo regime bolivariano atual. Quem sabe daqui a 20 anos eu não recebo uma indenização por isso.

quinta-feira, 25 de março de 2010

Honórius Causas

A partir de hoje o blog contará com os comentários do Jornalista Honórius Causas. Ele fará comentários sobre algumas notícias vinculadas na mídia. Honórius construiu sua carreira no interior da Paraíba. Durante o regime militar, Honórius não foi vítima de perseguição, fato que ele lamenta profundamente, pois, ele poderia estar recebendo uma indenização vitalícia de cinco mil Reais por mês: "Poxa, eu poderia ter levado um choquezinho de nada ou pelo menos um tapa na cara".

Honórius é conhecido por seus comentários ásperos e politicamente incorretos. Acabo de receber um email seu comentando a suposta nova gafe de Bush:

Bush limpa a mão em Clinton após cumprimentar haitiano

Nas palavras de Honórius:

Vocês sabe onde esse haitiano colocou a mão? Esperavam que o Bush colocasse a mão na boca após apertar a mão do infeliz? Sacanagem ele fez com o Clinton ao limpar os coliformes em sua camisa. Mas sacanagem é a especialidade do Clinton.

quarta-feira, 24 de março de 2010

Boston Red Sox

Como costuma dizer o mestre absoluto Bartô Galeno: só lembranças, só lembranças ...

Um link para recordar o Greatest Day do Boston Red Sox:

terça-feira, 23 de março de 2010

De volta

O Besteiras Pessoais está de volta. (AQUI)

Estava sentindo falta dos posts do grande Cris.

domingo, 21 de março de 2010

Herança maldita

Lula deixará para seu sucessor uma conta alta por causa de atrasos no PAC


Serão 35,2 bilhões de Reais.

Aulas com o Elon

O IMPA está disponibilizando os vídeos das aulas de "Análise no R^n". Querem assistir o curso com o professor Elon Lajes Lima?

AQUI.

P.S.: Dica do Cleiton Roberto.

quarta-feira, 17 de março de 2010

Pequena história

Conversando com o Leonardo, descobri que o Claudio Shikida é primo do Pery Shikida (na boa, eu não havia cogitado essa possibilidade). Não tive o prazer de conhecer o Claudio pessoalmente, mas conheci o Pery.

A história é a seguinte:

Eu estava apresentado um trabalho na SOBER de 2003 (Passo Fundo-RS). Recém saído da graduação e participando do primeiro congresso, me assustei com a sala cheia. Meu tema era o impacto das exportações de açúcar sobre o emprego. Ao terminar a apresentação oral, o presidente da mesa abriu as perguntas para o público.

Foi aí que um cidadão levantou a mão. O presidente da mesa informou: "o professor Pery Shikida quer fazer uma pergunta". Me tremi todo, pois, era a primeira vez na vida que uma referência, citada no final do meu texto, falava comigo. E se ele dissesse: "eu não falei isso que você escreveu"?

Enfim, num tom que misturava seriedade e brincadeira, o Pery disse: "vou pegar pesado com você". Um outro participante respondeu: "se você pegar pesado com ele, eu pegarei ainda mais com você." Os dois riram. O meu defensor era o professor Joaquim Guilhoto.

No final de tudo o Pery se aproximou e me estimulou a continuar pesquisando. Falou que havia gostado do trabalho e tal. Ainda me lembro da sua frase: "continue assim que, no futuro, você discutirá esse tema junto conosco." Me levou até uma pequena exposição de livros, pegou um de sua autoria, e me deu de presente.

O livro ainda está aqui, em minha estante. Obrigado Pery!

Leo Monastério

Ontem tive o prazer de conhecer o Leonardo Monastério. Saímos para almoçar e batemos um papo rápido. Infelizmente, devido as atividades de ambos, não foi possível conversar mais. Leonardo é uma daquelas pessoas que você, de fato, fica feliz quando conheceçe.

sábado, 13 de março de 2010

Geradores de Inliers

Campêlo e Cribari-Neto (AQUI), discutem os principais problemas decorrentes da ocorrência de inliers na série de inflação brasileira.

Zélia Cardoso de Mello apresenta a visão do governo que gerou um deles (AQUI).

quinta-feira, 11 de março de 2010

Revisão

Mais uma revisão terminada e enviada.

Agora é esperar o resultado.

terça-feira, 9 de março de 2010

Ranking dos Journals em Economia

Segue o link para um trabalho completo sobre o ranqueamento dos Journals em economia: AQUI.

This paper presents a novel ranking of economics journals. Our methodology is the following.
First, we construct an index to rank the 304 journals recorded in the Thomson Reuters (JCR)
database, for which citation counts exist. This index combines (sophisticated) citation indexes, eld
of specialization normalized indexes, and a h-index based on Google Scholar citations. Moreover this
index puts forward journals in economics. Second, we extend this index to the 898 EconLit non JCR
journals. We estimate a model in which the index is explained by the score of the journal's authors
and its Google Scholar citations. Finally we use the estimated model to predict the value of the index
for the non JCR journals. Therefore we obtain a consistent ranking index of all EconLit journals.


O trabalho é criterioso. Nos apêndices há uma divisão por áreas, importância, entre outras coisas. São 54 páginas com informações relevantes para os pesquisadores em economia. Fica a dica para os que pesquisam na área (Shikida é um deles) e para os que elaboram o ranking da CAPES.

A página de um dos autores, o Pierre-Philippe Combes, AQUI.

P.S.: Dica do professor Luiz Renato Lima.

segunda-feira, 8 de março de 2010

Physica A

Recebi alguns pareceres da Physica A. Não tinha muita esperança neste trabalho, mas os comentários foram bem interessantes. O Editor solicitou a revisão, bem pequena, por sinal. Contudo, mesmo sem grandes exigências pretendo modificar bastante o paper, inserindo coisas novas e correções pontuais. Ao trabalho ...

quinta-feira, 4 de março de 2010

Clássico da liberdade

Venezuela X Coréia do Norte. O amistoso internacional pode ser chamado de "O clássico da liberdade".

Dizem as más línguas que a imprensa oficial dos dois países noticiará a vitória da sua equipe, independentemente do resultado. (Valeu Anônimo).

Tudo novo

Teste novo, parceria nova. Em breve novidades sobre a mobilidade de renda no Brasil.

Presente


Um presente do amigo Edilean. Pisco puro de uva, direto de Arequipa, Peru.

terça-feira, 2 de março de 2010

Mais um, definitivo

O artigo: Is the Federal Funds Rate Stationary? New Evidence from P-ADF, confeccionado em parceria com o Claudio Shikida, obteve aceitação plena na Revista de Economia e Administração.

Vamos continuar a parceria, Claudio?

Jogos Olímpicos de Inverno no Brasil


Animado pelo sucesso dos jogos olímpicos de inverno ocorridos em Vancouver, o presidente Lula já decidiu: o Brasil lançará sua candidatura para os jogos de inverno de 2018. A cidade não foi definida, mas tudo indica que será em Gramado, com sua neve artificial. Contudo, a cidade de Vacaria e os grandes rivais catarinenses de São Joaquim também estão no páreo.

Para fortalecer a candidatura, além de "o Cara", teremos, segundo os bastidores, Carlos Arthur Nuzman, que também assumiria o Comitê Olímpico de Inverno em uma eleição realizada e uma madrugada qualquer.

Mais não é só isso! O Cara, já mandou a "bichinha palanqueira" incluir a criação de arenas de inverno no PAC II, quiçá no PAC III, IV ... Como é praxe, o resultado do PAC é imediato e já temos o primeiro resultado. A equipe brasileira de Curling já tem local de treino e equipamentos modernos. O Canadá e a Noruega, assustados com a concorrência, suspenderam as férias dos atuais campeões e vice-campeões olímpicos. "Ao treino rapazeada, o Brasil entrou no briga", gritou o técnico canadense. O Moral Hazard, conseguiu uma foto dos treinos secretos brasileiros (com a ajuda do Kibeloco).

Fora

Estive fora da net por uns dias. Motivo? Uma forte crise de garganta. Coisa de funcionário público vagabundo: "deixei" para adoecer no primeira semana após o final das férias. Aventuras não faltaram. Descobri que a metade dos hospitais de emergência da rede de meu plano de saúde são péssimos (passarei os nomes e as situações em breve).

Enfim, estou em casa.