sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Mais um

Obtive mais uma aceitação:

Mensurando os níveis de justiça no sistema de redistribuição de renda da América Latina
Erik Alencar de Figueiredo
Valdemiro Severiano Junior


No mais, recebi dois pareceres favoráveis da Pesquisa e Planejamento Econômico. O artigo "Desigualdade de Oportunidades no Brasil: Uma Decomposição Quantílica Contrafactual", feito em (mais uma) parceria com o Cleiton Roberto Silva, necessitará de uma boa revisão, mas creio que ele será publicado em breve. (Uma versão preliminar do paper pode ser acessada AQUI).

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Momento cultural

Minha próxima empreitada é resgatar a história do Cantor Raimundo Soldado.



Seguem alguns links. O primeiro é de um blog que conta um pouco da sua trajetória (AQUI). A Enciclopédia do Nordeste também abre espaço para o Raimundo (AQUI). Para ouvir um pouco da sua música, clique AQUI.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

O ano não acabou!

Fiz a previsão de fechar a última versão de um artigo e revisar o artigo aceito parcialmente na Economia Aplicada até o final do ano. Já cumpri as duas metas. Nesse meio tempo, revisei o artigo que sairá na próxima Economia & Tecnologia.

Dado que estou com gás, vou colocar outros projetos para andar. No mais, acho que vem um parecer da PPE por aí ...

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Universidade, o templo do conhecimento

Pronto, chegamos ao fundo do poço:

Professor diz ter sido agredido por marido de aluna reprovada na UFPB

O professor Leonardo Rosa Rhode é um colega do Departamento de Administração. Pelo que pouco que sei, ele é um profissional sério e comprometido com a instituição. O interessante é que, justamente por isso, é que ele foi agredido.

A Universidade, na figura de seu Reitor, deveria parar de pensar em processos eleitorais dentro e, principalmente, fora do campus (sim, aqui há uma candidato do vinculado ao PT, outro a PSB e por aí vai), para refletir sobre as condições de ensino, pesquisa e, pasmem, segurança.

Vocês já me viram (leram), falando absurdos, coisas politicamente incorretas e tudo mais aqui no blog. Mas saibam que nunca escrevi um post sob tamanha indignação.

Um time de craques

Enquanto a maioria do povo brasileiro ressalta a escalação da Seleção Brasileira de Futebol da Copa de 1970, eu prefiro destacar os craques desta foto:


Dica do Professor André Gustavo, via Facebook.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Dica de leitura

Brazilian Review of Econometrics - Special Volume in Honor of Ricardo Paes de Barros

No texto de abertura, James Heckman, prêmio Nobel de Economia em 2000, destaca:

I have known Ricardo for
almost 30 years, starting with his entry as a student into the Ph.D. program in economics at
the University of Chicago [...] First impressions can be deceptive. In the case of Ricardo Paes de Barros, they are not. Any new acquaintance rapidly learns his intelligence, his sincerity, his clarity of mind, and his sense of purpose. [...]

Dica do Laurini.

P.S.: Este é o mesmo Ricardo Paes de Barros que a atual diretoria do IPEA queria afastar?

Merit and justice

Por que a sociedade brasileira não possui uma visão bem construída sobre o papel do mérito no resultado econômico? Talvez este texto do Amartya Sen ajude a entender:

The rewarding of merit and the very concept of merit itself depend
on the way we see a good society and the criteria we invoke to assess
the successes and failures of societies. The « incentive view » of merit
competes with the view of merit based on « action propriety ». The
presence of inequality and others drawbacks can lead to some psychological
tension, especially since the rewarding of merit is not directly
valued under the incentive approach. Even though the incentive-based
argument for rewarding merit tends to be, in principle, accepted as the
main justification for such a reward system, the main interpretations of
the meritocracy are unnecessary and inconsistent with the incentive
approach. The common additional features include: (1) confounding
merit of actions with that of persons (and possibly of groups of
people), (2) overlooking the instrumental nature of the incentive
argument and seeing the rewards of merit as intrinsic entitlements or
deserts, and (3) ad hoc exclusion of distributional concerns from the
objective function in terms of which merit is characterized.

domingo, 11 de dezembro de 2011

Top ten

No Brasil as Universidades não se destacam por sua excelência no ensino ou na pesquisa, mas se tivéssemos um ranking mundial de corrupção no ensino superior ...

Gestores de universidades federais são alvos de inquéritos


seríamos top ten!

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

sábado, 3 de dezembro de 2011

A polarização nos municípios

O que eu falei em relação aos Estados (post abaixo), pode ser aplicado aos municípios?
Tirem as suas conclusões:

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

A polarização da renda no Brasil

Um relatório recente do IPEA alardeou a redução do índice de Gini entre os municípios. E mais, eles destacaram que as maiores quedas foram registradas nas regiões mais pobres do país, Norte e Nordeste, e, em especial, no estado da Paraíba.

Dito isto, vejam estas figuras e depois eu as comento.



O que elas informam? Elas sintetizam a evolução das rendas per capita estaduais não ponderadas e ponderadas pela população (vocês acham que São Paulo e Sergipe devem ser tratadas de forma similar na amostra?).

Pois bem, a Figura 1 mostra que de 1991 a 2007 a densidade está convergindo para uma bimodal. A Figura 2, onde as rendas são ponderadas pela população, reforçam a tendência (na verdade a acentua).

Ou seja, mesmo sem um cálculo específico, posso afirmar que houve um aumento na polarização. Em outras palavras, os estados ricos estão se distanciando dos estados pobres.

Vejamos o fenômeno da polarização mais de perto: a polarização, no sentido de Esteban e Ray, baseia-se na identificação e na alienação. Imaginemos uma bimodal, quando mais homogêneo for cada grupo (menor desigualdade intra grupos) e quanto maior for a alienação (desigualdade entre grupos), maior o polarização. Note que a menor desigualdade intra grupos reduzirá a variância da distribuição bimodal. Logo, é perfeitamente possível que haja uma redução no Gini e um aumento na polarização.

É isto que acontece com os dados Estaduais. As rendas não poderadas apresentam uma desigualdade de 0.2988, em 1991, e de 0.2886, em 2007. E os dados municipais? Meus resultados preliminares indicam que o comportamento é similar.

Concluindo: IPEA, uma redução nos Ginis dos municípios pode significar que os municípios pobres estão cada vez mais parecidos e relativamente mais distantes dos municípios ricos. Menos fogos de artifício, tá?

P.S.1: A partir do ano que vem o Grupo de Estudos em Economia Social divulgará relatórios relacionados à realidade socioeconômica do Nordeste e, em particular, da Paraíba. Tudo feito com moderação.

P.S.2: Estes resultados são fruto de um esforço conjunto com o Professor Sabino Porto Junior.

O roubo (entre outras coisas), acima da lei

Então quer dizer que se eu me enquadrar nesta categoria:

(...) as pessoas que vivem no cimo preponderante das normas e princípios constitucionais e que, por isso, rompendo com o estereótipo da alienação, e alimentados de esperança, insistem em colocar o seu ousio e a sua juventude a serviço da alteridade, da democracia e do império dos direitos fundamentais.

eu posso ficar um andar acima da lei?

Se sim, o cidadão que roubou a antena do meu carro, no estacionamento do departamento de direito da UFPB, pode não se preso, mesmo se pego em flagrante.

Para isso, basta que ele seja um jovem com uma vasta cabeleira, um cigarro de maconha na boca, uma camisa do Che Guevara e uma mente repleta de 'revolução'.

O que me deixa indignado é saber que os juízes que escreveram estas asneiras são pagos com suor do meu trabalho (impostos e mais impostos), assim como a educação do bandido que me roubou.

Conselho

[Não cobrar nada por isto, tá?] Se querem beneficiar os estudantes que realmente estudam e que, de fato, necessitam que auxílio financeiro, evitem fazer isto via entidades estudantis:

Denúncias de desvios e tráfico de influência na distribuição de bolsas de estudos da cota do Diretório Central dos Estudantes levaram a direção do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê) a decidir administrar as 396 bolsas de estudos que antes estavam sob o controle do DCE. A decisão é da reitora Ana Flávia Pereira.

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Mais um

Recebi uma aceitação parcial da Revista de Economia Aplicada.
O parecer foi detalhado, como de costume neste periódico.
Eu e meus dois coautores, Herbert Oliveira Rego e Cleiton Roberto Fonseca, teremos um bom trabalho pela frente.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Citação

E não é que o Shikida e Eu estamos sendo citados pelo mundo afora.

ESSAYS IN NONLINEAR MACROECONOMIC MODELING AND ECONOMETRICS - BEBONCHU ATEMS

KANSAS STATE UNIVERSITY


O Texto é: Shikida, C. D., and Figueirado, E. A. (2010): “Is the Federal Funds rate
stationary? New evidence from P-ADF Tests”, Revista de Economia e
Administração, 94-101.

Vergonha!

O Secretário de Segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, ameaça processar o pesquisador Daniel Cerqueira. O motivo? Cerqueira escreveu um artigo contestando os dados sobre a violência no Rio. Este mesmo artigo acabou de receber o Prêmio Haralambos Simeonidis.

Veja a matéria AQUI: Beltrame cogita processar pesquisador que questionou ISP

Dica do Leonardo Monastério.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Histerese no desemprego

Simplicity, simplicity, simplicity! I say, let your affairs be as two or three, and not a hundred or a thousand. Simplify, simplify. -- H. D. Thoreau.

É isto que o Laurence M. Ball faz neste texto:

HYSTERESIS IN UNEMPLOYMENT: OLD AND NEW EVIDENCE

No final, o autor alerta: "I hope hysteresis becomes a more popular topic in the future."

Eu já estou de "olho", Ball. Pode deixar!

domingo, 27 de novembro de 2011

Produção pós aposentadoria

À medida que envelhecemos, por vezes, começamos a duvidar da nossa capacidade.
Contudo, Harold Schlumberg é uma dessas pessoas que continuam produzindo, mesmo aposentado:

Muitas pessoas me perguntam:
‘O que os velhos fazem quando se aposentam?’

Bem, eu tenho sorte de ter uma formação em química,
e uma das coisas que eu mais gosto,
é transformar cerveja, vinho e
outras bebidas alcoólicas em urina.


P.S.: Dica e texto do Renato Sugahara (Grande Renatãoooo!).

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Orientandos

Aos poucos vou me desligando da vida acadêmica. O blog continuará como uma válvula de escape.
Este post, em especial, é uma forma de expressar minha imensa alegria neste momento. Meus dois alunos, Gabriela Medeiros (orientanda) e Julio César Araújo (ex-orientando), foram selecionados em primeiro e segundo lugares, respectivamente, no doutorado da UFRGS.

http://www.ufrgs.br/ppge/doutorado-selecionados12.asp

Devo ressaltar a competência e seriedade dos professores da UFRGS. Um processo limpo e meritocrático (o que não é regra em nossas instituições).

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Cat & Toast Theorem

Dado que os gatos nunca caem de costas e as torradas sempre caem com a parte da manteiga para baixo, o que aconteceria se amarrássemos uma torrada nas costas do gato?

O Cat & Toast Theorem soluciona este problema:

Everyone loves cats. They make great pets, they are comforting, they get rid of pests, make a delicious soup, and recently, with the invention of buttered toast, make near infinite sources of energy, and can be used to destroy the world.
We all know that the law of the universe and most things in it, states that cats must always land on their feet. Recently, humans have also invented an object that, by the law of the universe and most things in it, will always land on one side. This amazing invention is called buttered toast which, law of the universe and most things in it, must always land butter side down.


P.S.: Dica do professor José Luis.

Um email público

Apresento o conteúdo de um email que acabei de enviar. Publicarei a resposta também e, em breve, darei nome aos bois.
___________________
Prezados,

Hoje meu artigo completa DOIS ANOS CINCO MESES E ONZE DIAS submetidos a sua revista.

Aparentemente esta submissão ficou na mão de um único parecerista. Um "especialista" no assunto, como vocês costumam lembrar.

Fico imaginando a intensidade das atividades deste "especialista". Uma pessoa que não encontra tempo para emitir um parecer neste período deve ser muito requisitado.

Ele pediu mais um mês, dois, três?

Quem sabe, com o nível de editoração que a revista apresenta, este parecer não venha nos próximos três anos.

Fico lisonjeado com a atenção de vocês.
_______________________

terça-feira, 8 de novembro de 2011

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Seres exemplares

O Brasileiro é um sujeito cordial:

Motorista capota carro na PB-008 e população saqueia veículo
Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (7), na capital.
População levou bancos e som do carro que ficou destruído.

A importância da Dilma

E eu achava que as minhas palestras eram esvaziadas. Se uma das mulheres mais importantes do mundo, que é presidente de um dos maiores países do mundo (risos contidos) só
atrai este público:


eu sou um verdadeiro pop star ...

Em tempo, o cara que aparece em primeiro plano é o faxineiro esperando a bagaça acabar.

P.S.: Dica do Selva.

Combate à pobreza

Como vocês poderão ver, os programas de combate à pobreza não são tão simples:

Indian rural welfare
Digging holes
A maverick minister lays into a hallowed programme


P.S.: Dica do Vitor Morosine.

sábado, 5 de novembro de 2011

Momento Cultural

Morram de inveja mortais ...

Acabo de adquirir o DVD "Super Bregão":



Vejam a lista de sucessos:


Para comprovar, as fotos do show do mestre absoluto, Bartô Galeno:


Se é original? Claro, como não?


Podem pedir minha escova de dentes emprestada, mas não peçam este DVD. Estão avisados.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Prêmio BNDES

É com grande satisfação que parabenizo o meu amigo Edilean Kleber, terceiro lugar no prêmio BNDES de teses em economia:

Três Ensaios sobre Política Monetária no Brasil: Assimetrias nos Efeitos Reais de Choques Monetários, Preferências do Banco Central e Regras Monetárias Ótimas.

Os autores fantasmas

O Marcelo Hermes, do Ciência Brasil, alerta para o caso dos autores "brinde" (AQUI), ou seja, aqueles que, por uma razão ou outra, são listados como autores dos artigos, sem terem escrito uma linha sequer.

No caso das ciências biológicas isso se dá, em sua maioria, pelo fato dos diretores de laboratório exigirem participação em qualquer pesquisa que utilize o espaço físico sob sua direção.

Suspeito que em economia as razões principais são outras. Um orientador pode exigir a participação na pesquisa do seu orientando. Ou alguém com muita “influência” no meio acadêmico pode “emprestar” o seu nome para agilizar a publicação de um paper: “Conheço o Editor, coloque meu nome e o artigo será publicado com rapidez”. São as faces da picaretagem acadêmica.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Gerador de nome de pobre

Segue o link para o sensacional gerador de nome de pobre AQUI.

Dica

O Google Docs possibilita escrever e compilar documentos Latex:

Google Accounts
Google is not affiliated with the contents of latexlab or its owners. If you sign in, Google will share your email address with latexlab, but not your password or any other personal information.


P.S.: Dica do professor Hélio Ramos.

Coluna do Honórios Causa

A Morte de Chico de Toim

Não sei quantos souberam, mas no último dia 25/11 faleceu Chico de Toim Genésio. Chico nunca estudou economia, na verdade ele nunca estudou, mas foi responsável por uma contribuição relevante para a nossa ciência.

Em 1995, para ser exato no dia 16 de dezembro, Robert Lucas Jr se dirigia para Ilhéus com um grupo de economistas brasileiros. Lucas acabara de participar da ANPEC Nacional em Salvador e pretendia passar uns dias no litoral Sul baiano. Nas proximidades de Itabuna, Lucas pediu para usar o banheiro. Na entrada do bar do posto de gasolina, sem querer, Lucas esbarrou em Chico de Toim que reagiu com violência. Não acostumado com tamanha truculência, Lucas fez um sinal de reprovação. Chico de Toim se sentiu ofendido e puxou uma peixeira de 12 polegadas que estava em sua cintura. Lucas engoliu toda a sua arrogância/neoclássica/imperialista, pediu desculpas por seu comportamento, e voltou para o carro.

Após o episódio: os amigos fingem que não conhecem Lucas (Ao fundo).


Enquanto isso, Chico de Toim gritava que era baiano e que não admitia que os gringos viessem para a terra deles, etc, etc. O episódio ficou conhecido como “a crítica a crítica de Lucas”.

Pois bem, apesar de humilhar Lucas em público, Chico de Toim nunca foi, ao menos, indicado para o prêmio Nobel.

Chico de Toim (primeiro à direita), no Encontro Nacional de Economia do Vale do Rio Piancó-PB.


Chico de Toim deixou duas mulheres e quatorze filhos. Pessoas mais próximas da família afirmam que em seu último suspiro, Toim falou: “Digam a todos que a moeda causa o produto indefinidamente”.

Honórios Causa, direto de Jequié, Bahia.

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Sobre pareceres

Uma revista internacional me solicitou um parecer. Aprontei em dois dias. Estou com um outro pendente, mas enviarei muito antes do prazo. Tenho o mesmo procedimento com os pareceres nacionais, pois, acredito que o parecer científico é um trabalho voluntário, mas no momento em que você o aceita, deve cumprir os prazos e atender às exigências da revista (editores).

Contudo, grande parte de meus pares não pensa assim. Atualmente estou com artigo completando 2 anos e meio em uma revista nacional. E o Editor me diz: "não tenho justificativas para o atraso". Eu tenho, o Editor é um incompetente. Outros trabalhos estão, em média, há sete meses submetidos. Revistas as quais eu dou parecer rápido, mas recebo respostas bem lentas.

A razão para isto é uma soma de incompetência por parte do corpo editorial com a sensação dos árbitros de que estão fazendo um grande favor para a humanidade.

Boa notícia

Finalmente as universidades públicas brasileiras dão um bom exemplo:

Semana passada ocorreu, com pouca atenção da imprensa, o fato mais importante do ano para o Brasil: a vitória da chapa Aliança pela Liberdade para o Diretório Central de Estudantes da Universidade de Brasília. Pela primeira vez na história os alunos da UnB elegeram uma chapa não vinculada a partidos políticos. Em vez disso, escolheram uma chapa com nítido viés liberal. Viés liberal que foi pejorativamente taxado de conservador pelos adversários derrotados. Liberal no sentido de lutar pela UnB, e não contra a dominação americana. Liberal no sentido de brigar por melhores banheiros, e não contra a dívida externa. Liberal no sentido de propor melhorias na UnB, e não dar sugestões de política econômica.


Direto do blog do Adolfo.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Nóis, os trabaliadores

Peguei esta imagem no blog Ciência Brasil:


Ainda querem estudar na USP?

Doutorado PPGE/UFPB

A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Economia da UFPB, no uso de suas atribuições, informa aos interessados que estão abertas as inscrições para o processo seletivo com vistas à admissão ao Curso de Doutorado em Economia, conforme regulamento Interno desse Programa.

Poderão candidatar-se a este Processo de Seleção, os portadores de diploma ou de certificado de conclusão de curso de Mestrado em Economia, ou áreas afins.

As inscrições ocorrerão entre os dias 01 e 16 de novembro de 2011 e poderão ser efetuadas pessoalmente ou por procuração na Secretaria do Programa de Pós-Graduação em Economia, situada no Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Campus Universitário I, João Pessoa/PB, Cep: 58051-970, Fone: (83) 3216-7482, de segunda a sexta-feira, no horário das 08:00 às 12:00 e das 14:00 às 17:00 horas, respeitando o calendário de inscrição.

As inscrições poderão ser efetuadas também por correio (via sedex) no período de 01 a 11 de novembro de 2011. A data para a postagem de todos os documentos corresponderá ao último dia de inscrição por sedex previsto no edital (11 de novembro).

Para baixar o edital, acesse: http://www.ccsa.ufpb.br/ppge/?secao=2&subsecao=5&n=42

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Charles Bukowski

Um blog, em português, dedicado ao poeta norte americano Charles Bukowski:

http://bukowskicharles.tumblr.com/

Esforço e circuntâncias

O esforço é influenciado pelas circunstâncias?

Este é o tema de uma nova pesquisa. Uma literatura preliminar já foi selecionada AQUI e AQUI.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

João no Petrolina 1

O amigo João Ricardo está ocupando lugar de destaque no portal Petrolina1. (AQUI)

Até agora foram dois posts, mas ele promete falar, como ninguém, dos aspectos da economia local.

E o episódio da bolinha de papel ...

... teve seu preço:

E-mails revelam que governo pediu cargo no banco PanAmericano

Em janeiro de 2010, semanas após a venda de parte do PanAmericano para a Caixa Econômica Federal, executivos do banco reclamaram de pedidos do PT para abrigar pessoas ligadas ao governo...

E o PT sempre cobra.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Palestra SOBER/NE

Fecharei o VI SOBER NE – Petrolina/PE, amanhã à tarde.

Minha palestra sobre desigualdade de renda e justiça está disponível na internet:

Distribuição de Renda no Nordeste Brasileiro:
Oportunidades e Justiça


É muito mais uma agenda de pesquisa do que uma apresentação de resultados.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Desigualdade mundial

Este mapa sintetiza a desigualdade mundial de renda:



Detalhes AQUI.

Pereio

Hoje é aniversário do Grande Paulo César Pereio.



Parabéns, mestre!

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Lattes e a falsificação

Fui atualizar o meu Lattes e me deparei com esta mensagem:

Declaração
O solicitante declara formalmente que está de acordo com o Termo de Adesão e Compromisso da Plataforma Lattes.
( Declaração feita em observância aos artigos 297-299 do Código Penal Brasileiro).

O artigo do código penal diz:

Falsificação de documento público

Art. 297 Falsificar, no todo ou em parte, documento público, ou alterar documento público verdadeiro:

Pena: reclusão, de dois a seis anos, e multa.

1 - Se o agente é funcionário público, e comete o crime prevalecendo - se do cargo, aumenta-se a pena de Sexta parte. [...]

Pergunto: Será que a Presidente Dilma leu isto quando foi falsificar o seu Curriculo?

Mais um, definitivo II

Hoje é um dia de boas notícias.

Mais um fruto da minha parceria com o Claudio Shikida e meu primeiro trabalho com o Ari Francisco (o trio tem outro artigo sob avaliação, aguardem). Trata-se do excepcional, extraordinário e revolucionário:

Ovos, galinhas: revisitando um dilema secular a partir de dados brasileiros

O paper acaba de sair como Artigo de Opinião na Economia & Tecnologia - Ano 07, Vol. 26 - Julho/Setembro de 2011 (AQUI).

Como costuma dizer um dos coautores (em uma língua oriental), "É nóis na fita!".

domingo, 16 de outubro de 2011

Mais um, definitivo

O Artigo:

"A Note on the Measurement of Unfair Inequality in Brazil"

Acaba de ser aceito na Economics Bulletin.

Foi um belo parecer. Cuidadoso, com muito respeito e diálogo (dado que foram duas rodadas).

Estava com saudade de uma aceitação internacional.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Corram que o marxismo vem aí ...

Governo argentino quer mais Marx e menos neoliberalismo em faculdades de economia

Como acho que isto será uma tendência mundial, ainda mais com o fim do capitalismo que se anuncia, já joguei fora meus manuais ortodoxos e comprei a coleção de "O Capital" e a "Teoria Geral", ambos em Russo. (Por que Russo? Porque não acredito que o Esperanto será a nova língua mundial).

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Malvados

A melhor estréia do mês de outubro:

André Dahmer estreia quadrinho "Malvados" na Folha

Post Reeditado: Mobilidade Social Igual a UM

O Shikida assistiu "À procura da felicidade" e retirou uma lição econômica importante.
Eu já havia falado sobre o filme em um post de 2008 que reedito à seguir:

Mobilidade Social igual a UM

O filme “À procura da felicidade” (Gabriele Muccino) retrata bem uma situação de mobilidade social. Em resumo, Chris Gardner (Will Smith) sai da extrema pobreza, para o topo da distribuição de renda. Como? A partir da superação das dificuldades. Usando quais armas? A capacidade INDIVIDUAL de superar as dificuldades impostas pelo “meio social”.

Fico imaginando se este roteiro fosse escrito por um brasileiro. Teríamos, sem dúvida, todo um apelo social e a mensagem de ausência do governo. No filme de Muccino o governo aparece como um causador de “mal-estar social” (vide as multas e o imposto de renda). Deixando o sarcasmo de lado, é fato que a mobilidade social nos EUA é superior à brasileira. Ou seja, lá o indivíduo pobre tem maior capacidade de ascender socialmente. Estudos recentes classificam o Brasil como um país de baixa mobilidade, mesmo quando comparado com nações com o mesmo nível de desenvolvimento. Motivo? Um deles é a baixa escolaridade dos indivíduos e a transmissão deste “status” para os descendentes.

Confesso, não sou um fã de finais felizes, mas foi muito prazeroso ouvir a fala final:

“This part of my life...
…This little part …
Is called ‘happiness’”.

Ela é uma prova da capacidade individual de superar os limites.

Prêmio Nobel

E o Nobel de Economia vai para Thomas J. Sargent e Christopher A. Sims. Fiquei muito feliz, em especial pelo Sargent. Ele possui papel fundamental na discussão das teorias das expectativas racionais e do ciclo de negócios, porém, foi 'esquecido' nas premiações de Robert Lucas e, principalmente, Edward Prescott (2004).

Acredito que o prêmio estaria melhor se estivesse apenas com o Sargent, mas ...

Outra coisa, sei que justificar o prêmio é uma coisa difícil, mas concedê-lo "for their empirical research on cause and effect in the macroeconomy" é simplificar demais a contribuição do Sargent.

sábado, 8 de outubro de 2011

Enem e o piso salarial dos professores

Não quero, nem posso, afirmar nada. Mas olhem estes dois gráficos (AQUI e AQUI). O primeiro mostra o desempenho dos Estados no ENEM. O segundo lista o piso salarial dos professores dos Estados.

Aparentemente não há uma relação entre o pagamento do piso e o desempenho na avaliação do Enem.
Fiz uma regressão rápida onde a nota no Enem é explicada pelo piso médio estadual (piso de 40 horas trabalhadas semanalmente), e o coeficiente foi não significativo.


É evidente que é uma aproximação grosseira, pois, o Enem não mede apenas o desempenho das escolas públicas. É evidente que o pagamento do piso salarial médio é uma aproximação grosseira para o salários dos professores. Sei de tudo isso. Só queria registrar esta relação curiosa ...

Recomendação

The Drunkeynesian. Os posts sobre análise técnica são de rachar de rir (AQUI e AQUI).

Disparate

Mais um belo texto do Flavio Morgenstern. O assunto da vez é a relação entre a carga tributária e os programas de assistência social, com respingos na relação escusa entre o governo federal e alguns órgãos de imprensa (AQUI).

O texto é ótimo, mas uma coisa me chamou a atenção. Ao citar uma reportagem da Carta Capital, assinada pelo André Siqueira, surgiu a seguinte pérola:

Em um brilhante artigo publicado recentemente no Valor Econômico, o presidente do Ipea, Marcio Pochmann, mostrou que a desigualdade social, medida pelo índice Gini, caiu 9,5% entre 2003 e 2009. Sem os gastos em programas de transferência de renda realizados na última década, a melhora teria sido de apenas 1,5%. No mesmo texto, Pochmann levanta uma questão que tem méritos de sobra para tirar o sono dos brasileiros: por que os ricos pagam, proporcionalmente, tão menos impostos?

O maior problema do parágrafo acima não é a criação, por decreto, de uma relação causal entre as ações governistas e a redução da desigualdade. Nem de longe isso se compara com o disparate de manter em um mesmo parágrafo o adjetivo "brilhante" e o nome de "Marcio Pochmann".

P.S.: Dica do Selva.

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Citação internacional

O impacto de uma pesquisa sobre a área de conhecimento é medido a partir das citações do artigo. Este mecanismo, no entanto, é lento. Via de regra, um artigo só é citado a partir de sua publicação em revista (é lógico que alguns são citados ainda em formato de Working Paper). A partir daí ele passa a compor as referências das pesquisas atuais, ainda em fase de maturação. Logo, dada a lentidão do processo editorial, uma pesquisa só passa a ser citada em, no mínimo, um ano após a sua publicação.

Por conta disso, me surpreendi com a minha primeira citação internacional. Meu trabalho foi referenciado no artigo:

An ordinal approach to the study of intergenerational opportunities for standard of living: the case of Latin America
Joseph Deutsch & Jacques Silber

O artigo acaba de ser publicado no Journal of Economic Inequality.

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Política no Brasil

Estas notícias mostram os grandes avanços da(os) nossa(os) política(os):

1. Interferir em coisas sem grande relevância: "Governo quer suspender comercial de lingerie com Gisele Bündchen";

2. Servir de cabide de (bons) empregos: "Ciro Gomes recebe R$ 22 mil como 'consultor' do PSB no Ceará";

3. Para se vingar dos inimigos: "Romário diz que foi traído por Ricardo Teixeira".

4. Nas horas vagas, eles sugerem mais impostos...

Dica

A Mão Visível fala sobre carga tributária e gastos públicos. Vale, e muito, a leitura.

(...) a carga tributária em 2010 foi R$ 1,3 trilhões, enquanto os gastos bateram R$ 1,2 trilhões e o PIB atingiu R$ 3,7 trilhões. Ou seja, nos 16 anos em que o PIB cresceu o equivalente a R$ 1,4 trilhões, os tributos aumentaram R$ 687 bilhões e os gastos nada menos que R$ 726 bilhões. Posto de outra forma, de cada real acrescido ao PIB brasileiro nos últimos 16 anos, o governo tributou 48 centavos (687÷1432) e gastou 51 centavos (726÷1432).

Popularidade dos Softwares

O Robert A. Muenchen fala sobre a popularidade dos softwares estatísticos:

Abstract: This page presents various ways of measuring the popularity or market share of BMDP, JMP, Minitab, R, R-PLUS, Revolution R, S-PLUS, SAS, SPSS, Stata, Statistica, and Systat, as well as two implementations of the SAS Lanugage, Carolina and WPS. I update this paper several times a year at http://r4stats.com to provide an ongoing view of the software. Recent updates include adding a brief discussion of Quora.com (9/13/2011), Stack Exchange and Stack Overflow.com (7/12/11), updating the blog counts in Table 3 (6/21/11), and replacing Fig. 6 with the latest one (5/26/11).





Estes resultados confirmam as evidências prévias: o R continua dominando as paradas de sucesso.

P.S.: Dica do professor João Ricardo.

33° SBE

Os artigos aceitos para o 33° Encontro da Sociedade Brasileira de Econometria já estão disponíveis no site: AQUI.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Dica de software

Para quem quer se aventurar no LaTeX mas tem pouco tempo ou paciência para estudar, recomendo o TeXMakerX (AQUI). Este editor possui dicionário de português, corretor ortográfico e preâmbulos embutidos.

Ficou tão fácil que em pouco tempo as crianças poderão ser alfabetizadas em TeX.

P.S.: Dica do Lauro Nogueira.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Mais um

A Economics Bulletin acaba de me enviar um parecer favorável para o artigo:

"A Note on the Measurement of Unfair Inequality in Brazil".

Foram sugeridas pequenas modificações e uma revisão de inglês.

Em tempo, meu artigo:

Desigualdade de Oportunidades no Brasil: Uma Decomposição Quantílica Contrafactual,

fruto de uma parceria com o Cleiton Roberto Silva, foi aprovado no 33º Encontro da Sociedade Brasileira de Econometria (SBE).

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

A marcha contra as marchas

Extra, extra: imagens exclusivas da multidão que protestou contra a imprensa e os corruptores no MASP, São Paulo:


Opa, desculpe, me enganei. A foto verdadeira é esta:

domingo, 18 de setembro de 2011

TD no RePec

Os textos para discussão do PPGE/UFPB estão indexados ao RePec AQUI.
Mais um belo esforço do professor Hilton.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Prestação de Contas - CNPq

Passei a tarde fechando o relatório de prestação de contas do Edital Universal do CNPq.
Quem já fez isto uma vez na vida sabe o quanto é chato.

Me refiro, especificamente, à planilha financeira. Para cada compra efetuada, você deve declarar o CNPJ do vendedor, a sua razão social, o número de cheque, o número da nota, especificação do produto e, por fim, o valor.

Olhando assim parece fácil, mas imagine que você comprou 40 livros, vários materiais de escritório, computador, impressora ... Ou seja, você pode ter mais de 50 notas fiscais.

Pra diminuir o sofrimento na hora da prestação de contas, sugiro os seguintes procedimentos:

a) use um cheque para cada nota fiscal;

b) enumere as notas de acordo com a categoria a qual elas pertencem (capital, material de consumo, etc);

c) possua saldos mensais de sua conta;

d) guarde todos os canhotos dos cheques, inclusive os não usados;

e) na compra de material permanente, em especial computadores, tenha pelo menos três orçamentos em mãos;

f) evite a contratação de serviços de pessoas físicas, e;

g) tire fotocópia de todas as notas e as guarde. Só se livre delas quando sua prestação de contas for aprovada pelo Conselho (O CNPq exige que você envie as notas originais. Portanto, elas podem sumir na mão dos Correios ou de algum burocrata do Conselho).

Isto não te livrará da digitação das informações uma a uma. Contudo, ajudará muito, não só no preenchimento, como em eventuais dores de cabeça relacionadas a não aprovação do relatório.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Textos para discussão do PPGE

O PPGE lança a série de textos para discussão. Tenho orgulho da participar do primeiro número:

Crescimento Pró-Pobre no Brasil: Uma Análise Primal e Dual no período de 1987-2007

O conceito de justiça do PT

Manchete de jornal:

Presidenta Dilma defende obra sem licitação

“Fico preocupada e tomo as medidas para defender o que consideramos que é o justo. O que fizemos em relação à obra de Guarulhos, por emergência e urgência, é muito importante. Não tomamos decisão sem avisar. Avisamos ao Tribunal de Contas da União e ao Ministério Público”. (Grifo meu)

Ou seja, o conceito de justiça utilizado é contratar uma construtora sem licitação. Anotei mais essa no meu caderno.

Fala Tavares II !

Maria da Conceição Tavares tem razão. Modelos matemáticos não servem para nada. Estou fazendo uma fogueira aqui em casa. Já estão ardendo em chamas os meus Simon & Blume, Mas-Colell, Hamilton, Romer ...

Como cheguei a esta constatação? Fiz uma pesquisa intensa e profunda nos últimos 30 segundos e descobri que, assim como destacou Tavares, o que vale é o talento. Inclusive o talento para reconhecer a eficiência de um belo plano de estabilização:



Nos primeiros dias de março de 1986, uma economista portuguesa falante e passional fez de suas lágrimas o ícone da emoção brasileira diante do Plano Cruzado, em vigor desde 28 de fevereiro. Maria da Conceição Tavares tomou a defesa do pacote econômico lançado pelo governo José Sarney em um programa de entrevistas da Rede Globo e chorou diante de milhões de brasileiros ainda confusos com a novidade. “Nunca tive motivos para me orgulhar de economistas, mas a descrença transformou-se em esperança com a formulação do plano”, disse ela, com o peito inflado, ao ver na equipe do ministro da Fazenda Dilson Funaro ex-alunos seus, como João Manoel Cardoso de Mello e Luiz Gonzaga Belluzzo.


Quem, apenas com um talentinho obtido a partir de modelos matemáticos, perceberia o sucesso da estabilização de forma tão antecipada?

Dizem as boas e plurais línguas que ela previu que o Luiz Gonzaga Belluzzo seria um excelente presidente para o Palmeiras. Visionária!

P.S.: Ninguém tem este vídeo? Não o achei no youtube.

Fala Tavares!

Parem as máquinas!!!

Deixem tudo que vocês estão fazendo e vejam este vídeo:



Nele a Maria da Conceição Tavares (para muitos ela é a maior sacanagem que os portugueses já fizeram com a gente), despeja sua sabedoria em uma mensagem para os Novos Economistas.

A maior lição é: modelos matemáticos não servem para nada. Para fazer política monetária é preciso ter talento (Entenderam? Shikida, Adolfo, Alex ...?).

Este é ou não é um blog plural? (seja lá o que isto signifique).

P.S.: Dica do professor Hélio Ramos.

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Tabelas? É com nois mermo

A CBF resolveu acabar com o problema de público nos jogos dos campeonatos brasileiros das séries A, B, C e D. Visando a presença de quatro torcidas ao mesmo tempo, a Confederação resolveu marcar dois jogos para o mesmo dia e hora:

CBF marca jogos das séries B e C para o mesmo dia e hora
Confederação levou jogo entre ABC e Vitória para o Amigão, às 16h20 do sábado. No mesmo dia, às 16h, jogariam Campinense e Guarany


No momento, os técnicos envolvidos na elaboração deste algoritmo complexo estão trabalhando na Tabela da Copa.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Resultado do ENEM

A Folha disponibilizou um mecanismo muito eficiente para a análise do desempenho das escolas no ENEM. (AQUI)

sábado, 10 de setembro de 2011

Parabéns

O pessoal do Grupo de Estudos em Economia Social está marcando presença no Encontro Nacional de Economia da ANPEC (AQUI).

É fato que os trabalhos são frutos de esforços anteriores à existência do Grupo, mas vale destacar.

Estarão no encontro:

Gabriela Bezerra;
Edilean Kleber;
Fernanda Leite Santana;
Herbert Rego;
Erik Figueiredo;
Cleiton Roberto.

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

O índice de Corrado Gini


Me atrevo a dizer que, afora os indicadores de estatística descritiva, em especial a média, o índice de Gini é uma das medidas mais conhecidas entre as pessoas em geral. Este indicador permite, por exemplo, uma comparação simples dos níveis de bem-estar social das nações (AQUI).

Seu desenvolvimento se deveu ao estatístico e sociólogo italiano Corrado Gini (23/05/1884 – 13/03/1965). Gini foi pioneiro ao propor a análise de fenômenos sociais a partir de quantificações estatísticas. Ou seja, de certa forma, ele foi um dos precursores do campo da economia aplicada.

Outra curiosidade reside em sua contribuição para a base do ideal Facista. Seu artigo "The Scientific Basis of Fascism", publicado na "Political Science Quarterly" em 1927 é considerado um marco para a adoção deste regime autoritário na Itália.

Vejam um pouco desta história em:

CORRADO GINI AND ITALIAN STATISTICS UNDER FASCISM

GIOVANNI FAVERO
Università Ca’ Foscari di Venezia
Dipartimento di Scienze Economiche


P.S.: Agradeço a Amanda Lemos pela dica.

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Reedição do post: Luiz Couto, o deputado petista diferenciado


O deputado federal paraibano Luiz Couto-PT é uma figura ímpar!
Ao mesmo tempo que ficou indignado com a impunidade dos "esquadrões da morte" (vídeo AQUI), defendeu a permanência do Cesare Batistti (vídeo AQUI).



É ou não é um político "diferenciado"?

Entendam o caso AQUI.


Atualização: Agora o Luiz Couto diz que a "Regulação da mídia é fundamental para a democracia".

Leitura do dia

Lower and Upper Bounds of Unfair Inequality: Theory and Evidence for Germany and the US

Judith Niehues
SOCLIFE, University of Cologne and IZA
Andreas Peichl
IZA, University of Cologne (FiFo), ISER and CESifo

Previous estimates of unfair inequality of opportunity (IOp) are only lower bounds because of the unobservability of the full set of endowed circumstances beyond the sphere of individual responsibility. In this paper, we suggest a new estimator based on a fixed effects panel model which additionally allows identifying an upper bound. We illustrate our approach by
comparing Germany and the US based on harmonized micro data. We find significant and
robust differences between lower and upper bound estimates – both for gross and net
earnings based either on periodical or permanent income – for both countries. We discuss
the cross-country differences and similarities in IOp in the light of di¤erences in social
mobility and persistence.

Divulgando

Na próxima sexta-feira, dia 09/09 às 14:00 hs, participarei de uma banca de dissertação no PPECO da UFRN, Natal:

A ELASTICIDADE DA POBREZA EM RELAÇÃO AO CRESCIMENTO E À DESIGUALDADE NO NORDESTE RURAL BRASILEIRO, DE 1995 A 2009: uma análise comparativa
Elinete Luisa Lopes

Em seguida, às 16:00 hs, apresento um seminário sobre:

Justiça e Redistribuição: o Caso dos Países Latino Americanos

domingo, 4 de setembro de 2011

Novas compras

Fighting Poverty in the US and Europe: A World of Difference

Alberto Alesina & Edward Glaeser.



In this this timely study of the different approaches of America and Europe to the problems of domestic inequality and poverty, the authors describe just how different the two continents are in the level of State engagement in the redistribution of income. They discuss various possible economic explanations for the difference, including different levels of pre-tax income, openness, and social mobility; they survey politico-historical differences such as the varying physical size of nations, their electoral and legal systems, and the character of their political parties, as well as their experiences of war; and they examine sociological explanations which include different attitudes to the poor and notions of social responsibility, as well as, most importantly, attitudes to race.

sábado, 3 de setembro de 2011

Notas

O Cientista homenageado mudou. Cliquem na Figura e conheçam um pouco da sua história.

Estou saindo para descansar no final de semana. Se quiserem me encontrar, mandem mensagens para ESTE LOCAL.



Pesquisa no Brasil

David Bousfield, professor da Universidade de Cambridge, identifica as principais limitações da pesquisa biomédica brasileira. Seu relato baseia-se em sua experiência própria como pesquisador visitante no Brasil:

Identifying reasons for failure in biomedical research and publishing

The regular assessment of Brazilian scientific output means that individual university departments need to constantly improve the quantity and quality of their scientific output. A significant proportion of this output involves the work of Master’s and Doctoral
students, but getting this work published in a suitable journal can often prove to be a challenge. Although students’ lack of fluency in English is a contributing factor, many of the problems observed have an early origin in the formulation of the research
problem and its relevance to current research trends in the international literature. In short, more time needs to be spent in the library and less in the laboratory, and more effort needs to be made in teaching students basic research skills such as the effective use of bibliographic databases like PubMed, Web of Science and Scopus.

O pesquisador deixa 10 dicas para os coordenadores de pós-graduações. Destaco as que considero mais relevantes:

1. A Pesquisa começa, continua e termina na biblioteca (virtual). [Comentário: nossos alunos conseguem identificar a área de atuação, situando-a na literatura internacional?];

2. Forneça apoio para a melhora da leitura e escrita em Inglês (e Português). [Comentário: É incrível que o autor recomende a leitura em português. Ou seja, nosso problema não é a segunda língua e sim a primeira];

3. Torne o registro acadêmico (publicações, períodos recentes, etc.) dos professores mais visível. [Comentário: O objetivo é que os alunos possam se espelhar e escolher o orientador de forma mais eficiente. Em outras palavras, deve-se dar valor a quem produz];

4. Melhore a elaboração do projeto. [Comentário: Este ponto é muito importante! A defesa de projetos é vista como mais uma formalidade. Geralmente não há muita exigência em relação a este tópico. Se houver um maior rigor nesta etapa, aumentam as chances de uma boa tese];

5. Todos os projetos devem ser revisados (acompanhados) em intervalos de tempo regular. Ele deve ser subdividido em módulos, de modo que o trabalho possa ser monitorado de forma mais contínua. [Comentário: Se enquadra no comentário anterior];

6. A criação de uma tese parece contraproducente. Elas são necessárias? [Comentário: Escrever uma tese longa e cheia de formalidades não garantirá a sua publicação. Uma dissertação, por exemplo, poderia ser um artigo publicado];

7. Cursos sobre metodologia científica e publicação devem ser incluídos como uma disciplina obrigatória. [Comentário: Concordo! Mas o que se ensina nestes cursos? Normas da ABNT? Certamente não!];

8. Mais esforço deve ser dirigido no estabelecimento de períodos de treinamento no exterior. [Comentário: Isto serve para os professores, inclusive. Uma experiencia internacional ou o contato com pesquisadores estrangeiros seria um bom caminho].


Embora o artigo trate da pesquisa em Biomédica, seus conselhos servem, e muito, para a área de Sociais Aplicadas. vale a leitura!

P.S.: Dica do professor Valdemiro Júnior.

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Redistribuição e Justiça na América Latina

As políticas redistributivas possuem impacto sobre a desigualdade?
Para os países desenvolvidos, sim. Nos países latino americanos, não. Pelo menos é isso que o gráfico Latin American Economic Outlook 2009, informa:


Notem que a diferença entre o Gini pre e pos taxação é praticamente nula para a Argentina, Brasil, Colômbia, Chile, México e Peru (Gini pretax, em azul, e postax, em cinza). De acordo com Goñi et al. (2008) (AQUI), a explicação reside, principalmente, na tributação regressiva destes países.

Diante destas evidências questiono: qual seria o impacto das políticas de redistribuição sobre os nível de justiça, responsibility-sensitive, destes países? A resposta é fornecida na Tabela abaixo:


Utilizando um índice de entropias para mensurar a distância entre as rendas pretax e postax e as suas respectivas normas de justiça (O que é uma norma de justiça? Vejam AQUI. Qual é o índice de entropia utilizado? Vejam AQUI), observo que, apesar da taxação diminuir a distância entre a renda observada e a renda justa, este movimento não é estatisticamente significativo.

E de quem é a culpa? Bem, meus resultados sugerem que o sistema de tributação contribui em duas frentes: desestimulando o mérito a partir de uma taxação excessiva sobre as variáveis individuais de esforço e; não equalizando as circunstâncias, de modo que um indivíduo com circunstâncias desfavoráveis (raça, sexo, região de nascimento, background familiar, etc) é taxado de forma similar aos demais (querem entender o modelo, vejam AQUI).

O resultado é que nosso desenho fiscal faz com que a medida de injustiça brasileira seja quase três vezes superior a dos EUA.


Interessados? O Working paper sai em breve.

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Dúvida

Porque todo comunista acha que está do lado do povo?

Ziraldo bate boca com manifestantes na Bienal

Um dos professores reclamou com Ziraldo por sua participação na cerimônia e por ele receber indenização do governo por ter sido perseguido durante a ditadura militar. Nesse momento, Ziraldo se exaltou, xingou o manifestante e partiu para cima dele, sendo contido pelas pessoas que o acompanhavam. "Eu sempre estive do lado de vocês", gritava o autor.

Premiação

Doutoranda do PPGE/UFPB é 1ª lugar no Prêmio Brasil de Economia:

A doutoranda e professora do Departamento de Economia da UFPB, Shirley Pereira de Mesquita, conquistou o 1ª lugar no XVII Prêmio Brasil de Economia, na categoria Dissertação. A aluna receberá um prêmio de R$5.000,00 e bolsa de pesquisa no IPEA por um ano. Parabenizamos, também, o orientador de dissertação, professor Dr. Hilton Martins de Brito Ramalho, cuja contribuição foi essencial para o desenvolvimento do trabalho vencedor intitulado: "Migração Familiar e Trabalho Infantil no Brasil Urbano". (Via site do PPGE)



Brazilian Journal of Probability and Statistics - 25th Anniversary Issue

O Brazilian Journal of Probability and Statistics lança a edição comemorativa de seus 25 anos:

Preface
Silvia L. P. Ferrari, Francisco Cribari-Neto and Nancy L. Garcia; 237-238

Additive models for quantile regression: Model selection and confidence bandaids
Roger Koenker; 239-262

Dispersion models for geometric sums
Bent Jørgensen and Célestin C. Kokonendji; 263-293

Stationary infinitely divisible processes
Ole E. Barndorff-Nielsen; 294-322

Limit theorems for empirical Fréchet means of independent and non-identically distributed manifold-valued random variables
Wilfrid S. Kendall and Huiling Le; 323-352

On default priors and approximate location models
D. A. S. Fraser and N. Reid; 353-361

Prediction-based estimating functions: Review and new developments
Michael Sørensen; 362-391

Local linear suppression for wireless sensor network data
Kristian Lum and Alan E. Gelfand; 392-405

Hierarchical wavelet modelling of environmental sensor data
Yann Ruffieux and A. C. Davison; 406-420

Modelling particles moving in a potential field with pairwise interactions and an application
D. R. Brillinger, H. K. Preisler and M. J. Wisdom; 421-436

On improved estimation for importance sampling
David Firth; 437-443

Contiguity and irreconcilable nonstandard asymptotics of statistical tests
Pranab K. Sen and Antonio C. Pedroso-de-Lima; 444-470

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Regressão à média ...

... E os torcedores do Corinthians acharão que o resultado positivo de hoje possui relação com a cobrança da torcida organizada (AQUI). Atenção Gaviões da Fiel, leiam Daniel Kahneman (AQUI).

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Amigos famosos

Um aluno chega com a 5ª edição do Econometria Básica do Gujarati (Agora com um co-autor, o Dawn).


Pedi para dar uma olhada e, para minha surpresa, a revisão técnica é de Cláudio Shikida, Ari Francisco Araújo Junior e Marcio Salvato.

Deu vontade de sair dizendo "conheço estes caras", "escrevi artigos com os dois primeiros" ... "sim, é verdade, eu ia mentir com uma coisa dessas?".


sábado, 27 de agosto de 2011

Recomendação

Opinião e informações sobre softwares estatísticos (entre outras coisas), por isso recomendo o blog do Professor Hilton Martins (AQUI e na barra lateral).

Tutorial: IV em R

Na terça feira falarei sobre variáveis instrumentais na aula de econometria do PPGE.

Como de costume, a parte empírica será apresentada em R.

Vejam uma prévia neste tutorial:

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Grandes Pesquisadores

Destaco o professor da Universidade de Princeton Roland Bénabou.

Acompanho suas pesquisas direcionadas a desigualdade e redistribuição. Porém, esta não é a única área de atuação deste pesquisador (Vejam AQUI).


Do Rio para o mundo

A prefeitura do Rio de Janeiro, em parceria com os Governos Estadual e Federal, toma a primeira medida concreta para a realização da Copa do Mundo e das Olimpíadas.


Agora os turistas não se perderão mais.

P.S.: Dica do mestre absoluto, @RaUL_AMDERLAINE, via twitter.






Divulgando

O curso de Economia da UFCG está convidando para o I Simpósio Acadêmico de Economia que se realizará no período de 3 a 7 de outubro de 2011. O evento comemora 50 anos do curso de Economia de Campina Grande. O prazo para submissão de trabalhos termina no dia 16 de setembro.
O endereço para envio de trabalhos sacec50@hotmail.com.

Para ter acesso às normas de submissão, por favor, escrevam para o professor Carlos A. S. de Andrade: prf.cantonio@gmail.com.

Método Capitão Nascimento

Para mim parecer solicitado é parecer concluído muito antes do prazo.

Grupo de pesquisa - CNPq

As atividades do Grupo de Estudos em "Economia Social: Distribuição de Renda e Avaliação de Políticas Redistributivas" foram iniciadas ontem.

Apresentei o grupo e um artigo. A discussão foi muito proveitosa. A presença de pesquisadores da área de ciência política enriqueceu as observações.

São 16 membros e já contamos com 11 atividades agendadas:


(25/08): Justiça e Redistribuição: o Caso dos Países Latino Americanos (Erik Figueiredo);
(01/09) O Perfil do Gasto Público no Brasil: uma abordagem incrementalista (Italo Fittipaldi, Saulo Costa e Cletiane Araújo);
(08/09): Evolução recente do bem estar no Nordeste brasileiro (Amanda Lemos);
(15/09) Ex Ante versus Ex Post Equality of Opportunity [Fleurbaey e Peragine], (Herbert Rego)
(22/09) Pobreza e Saúde no Brasil (Gabriela Medeiros);
(29/09) Desigualdade e Redistribuição de renda sob considerações de Justiça: Um estudo comparativo do Brasil e México (Cleiton Silva);
(06/10) Mini-curso: Microdados/STATA (Erik Figueiredo);
(13/10) Mini-curso: Microdados/STATA (José Luis);
(20/10) A influência de fatores institucionais e eleitorais sobre os gastos em governos subnacionais. Italo Fittipaldi;
(27/10) Dinâmica intergeracional educacional das famílias migrantes e não migrantes no Brasil. Ramailda Sousa;
(03/11) Eficiência de Serviços Públicos Educacionais e a Mobilidade Intergeracional Educacional de 2000 a 2010. (Fernanda Leite).


quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Privatização do espaço público

Abro meu email e vejo a seguinte mensagem:

Presidente do IPEA participa de debate na UFPB

Nesta sexta-feira (26) o economista Márcio Pochmann estará em João Pessoa
para proferir palestra às 19h, no auditório do Centro de Educação (CE), da
Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Campus de João Pessoa, sobre o
tema "O Brasil e suas perspectivas". O evento tem promoção da Fundação
Perseu Abramo.

Como sou desconfiado de tudo, vou atrás da programação do debate e vejo que ele contará com a participação do Presidente da Fundação Perseu Abramo, Nilmário
Miranda, e o Secretário-Geral do PT, Elói Pietá.

A fundação Perseu Abramo, que promove o debate, foi criada pelo PT (Vejam AQUI).

Resumindo: o espaço público, mais uma vez, atenderá aos interesses partidários.

O Departamento de Economia, por exemplo, fez a divulgação via email institucional.
Ou seja, agiu como um dos filiados do PT que estava distribuindo panfletos na praça do CCSA.

Até quando vamos achar isso normal?

Quem pagará as despesas dos palestrantes? Quem pagará pelo auditório do Centro de Educação (CE), da Universidade Federal da Paraíba (UFPB)? (...)


terça-feira, 23 de agosto de 2011

Dicas

Duas dicas do Professor Alejandro Frery:

Grupo de discussão sobre "Mecanismos de avaliação e disseminação da produção científica" (AQUI).

O que seria uma disciplina de "Metodologia da Pesquisa e do Trabalho Científico" na visão de Karl Popper (AQUI).

domingo, 21 de agosto de 2011

Salários dos professores

Uma análise sobre os salários dos professores das universidades federais AQUI.

Na primeira oportunidade, pulo fora!

sábado, 20 de agosto de 2011

Corrupção neoliberal

As notícias sobre a corrupção pipocam a cada dia. A mais recente é:

Turismo: ONG que nunca atuou na área tem plano aprovado em 7 horas

Nada me surpreende mais, nem mesmo os comentários do tipo:

Continua a propaganda política dos neoliberais. Eles não falam nada de uma Vale vendida por 3 bilhoes. Foi só uma brincadeira. Hoje se fala muito em corrupção porque antes a mida neoliberal abafava tudo dos FHCs da vida. Agora se investiga, se não pune é porque o judiciário ainda é neoliberal.

O interessante é que pessoas como esta se queixam das notícias relacionadas a novela. Não seria melhor que elas gastassem suas energias comentando quem matou quem no folhetim das nove?


sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Divulgando

Para o pessoal de Minas Gerais e proximidades:

Seminário Internacional: Pobreza, Desigualdade e Desempenho Educacional

Universidade Autônoma de Barcelona e Escola de Governo / Fundação João Pinheiro

Detalhes AQUI.

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Paul Meier


É com pesar que o blog anuncia o falecimento do Professor Paul Meier (AQUI). Meier era professor emérito do Departamento de Estatística da Universidade de Chigaco (AQUI).

Seu livro, Introductory Probability and Statistical Applications, constitui uma importante para os estudos relacionados à estatística aplicada. O professor Meier também é responsável pelo desenvolvimento do estimador Kaplan-Meier, muito utilizado em estudos de análise de duração:

Kaplan, E.L. & Meier, P. "Nonparametric estimation from incomplete observations," Journal of the American Statistical Association, 53, 457-481 (1958).

Novidades

O blog está com uma nova cara. Em breve terei novidades. Uma delas já pode ser vista no lado direito da página. Trata-se de uma homenagem aos cientistas que admiro. Inicio com Norbert Wiener. Basta clicar na foto para ter acesso às informações sobre a sua obra. Ele permanecerá aí por 15 dias. Aí homenageio outro.

Continuem visitando!

Feliz dia dos Economistas

Continuo a receber mensagens relacionadas a semana do economista. Em primeiro lugar, reforço a campanha do Leonardo Monastério: o dia do economista é o 9 de março (AQUI).

Aqui na Paraíba as comemoração contam com um personagem onipresente: Celso Furtado. É quase um Jesus na época de Natal. Não poderia deixar de homenageá-lo, por isso, deixo o link para os diversos posts que já escrevi: (AQUI, AQUI, AQUI e AQUI).

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

domingo, 14 de agosto de 2011

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Novo visual

O Blog do Cristiano Costa está com um novo layout (AQUI). A qualidade da informação é a mesma, mas ficou muito mais bonito de ver.

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Menos um problema

Quem veio primeiro, o ovo ou a galinha?

O mistério está próximo do fim. Um grupo de pesquisadores pra lá de renomados trabalhou durante anos, 8 horas por dia, 7 dias por semana e, enfim, encontrou a resposta.

Ou seja, o maior problema histórico-materialista-dialético-positivista da ciência está resolvido.

A resposta é , parô, parô, parô, parô (método João Kléber)... A resposta virá em breve, aqui neste blog e no De Gustibus.

Que venha Conjectura de Goldbach.

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Divulgando

O "O" anônimo fala sobre o Encontro da Associação Keynesiana Brasileira. Imperdível (AQUI)

Bem público na UFPB

No dia do fatídico evento, UFPB: Sapientia Aedificat (lembram?), um grupo de professores, eu inclusive, entrou com uma representação junto ao Centro de Ciências Sociais Aplicadas. Resultado: o diretor proibiu as festas na praça do CCSA.

Diante da proibição, parte dos alunos espalhou cartazes por todo o centro. Eu, sinceramente, não entendi a metade do que eles escreveram. Eles reivindicam um tal de "Cultural". Deixa pra lá ...

Contudo, um cartaz me chamou a atenção: "A praça é um bem público, logo deve servir ao público". Esta frase reforça a minha teoria de que todo brasileiro, economista ou não, necessita de uma aula sobre bem público.

Isso me fez lembrar de um episódio, já relatado aqui no blog:

Em uma banca de concurso de uma Universidade Federal um candidato a professor foi questionado sobre o que era um bem público, sem pestanejar ele respondeu: É todo aquele que é ofertado pelo governo".


Mas-Colell e cia, me salvem:

A public good is a commodity for which use of a unit of the good by one agent does not preclude its use by other agents. Mas-Colell et al. (1995, p. 359).


Portanto, lembrem-se sempre dos "outros agentes" quando forem consumir tal bem.

Word na academia

Atenção vocês que usam o Word para fazer trabalhos científicos:



Dica do Francisco Cribari-Neto.

Convite

Recebi um convite da comissão da SOBER NE. Eles querem que eu realize a palestra de fechamento do Congresso. Então tá, vamos para Petrolina.

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Divulgando

O site ainda não está pronto, mas o João Ricardo enviou as informações preliminares sobre o Encontro da SOBER Nordeste.

GTS:

1. Desenvolvimento Rural, Segurança Alimentar e Meio Ambiente
2. Economia Solidária e Inclusão Social
3. Cadeias produtivas e arranjos produtivos locais
4. Gestão Rural e Agronegócio
5. Políticas Sociais para o Campo
6. Comercialização e Mercado de produtos Agropecuários
7. Ciência, Pesquisa e Transferência de tecnologia


Normas:

Normas para Submissão de Trabalhos

A Submissão pode ser para duas categorias: Apresentação Oral ou Pôster de
acordo com as seguintes normas:

APRESENTAÇÃO ORAL

O(s) autor(es) deverão enviar arquivo, que deve constar:
título do trabalho (máximo de 17 palavras); resumo (máximo 200 palavras);
palavras-chaves (três a cinco); área temática; seguidos pela introdução e
demais itens do artigo.
Os artigos deverão ser organizados da seguinte forma: Introdução,
Metodologia, Resultados e Discussão, Conclusões e Referências
Bibliográficas. Cada pessoa poderá submeter como autor ou co-autor até
cinco trabalhos e cada trabalho poderá ter até no máximo cinco autores.

Os trabalhos não podem passar de 20 páginas (numeradas), incluindo as
Referências Bibliográficas e os anexos. Os trabalhos devem ser enviados
UNICAMENTE EM FORMATO PDF, fonte Arial, tamanho 12, intervalo (entre
linhas) de 1,5. As páginas deverão ser configuradas no tamanho A4 com
margens laterais, superior e inferior com 2,5cm. As citações diretas,
indiretas, notas de rodapé, tabelas e Referências Bibliográficas devem
seguir as especificações adotadas pela ABNT. Recomenda-se aos autores o
máximo cuidado na redação e correção dos seus trabalhos, uma vez que, se
aprovados, serão publicados nos Anais tal qual enviados.

PÔSTER

Nesta modalidade deverá ser encaminhado um Resumo Expandido com até 3
páginas contendo: Título, Identificação da área temática do trabalho,
Introdução, Objetivos, Metodologia, Resultados e Discussão e Referências
Bibliográficas.

O(s) autor(es) deverão preparar o pôster com base no resumo enviado à
organização do evento.
Dimensão máxima do pôster
Largura: 60 cm
Altura: 90 cm

O texto do pôster deverá ser legível a uma distância de pelo menos 1
metro. Utilizar os vários recursos gráficos disponíveis para despertar o
interesse do público.

Organizar as informações de modo que as idéias centrais do trabalho sejam
facilmente compreendidas.

Utilizar o mínimo de texto e o máximo possível de figuras, fotos, tabelas
e gráficos.

No pôster deverá constar necessariamente:

Nome do evento;
Instituição;
Área do conhecimento (mesma selecionada na inscrição);
Título idêntico ao do resumo submetido;
Nomes dos autores;
Introdução, Metodologia, Resultados, Conclusões e Referências bibliográficas;
Instituição de fomento, se houver.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

No caminho certo

A Revista Estudos Econômicos inicia o processo de internacionalização:

Uma das metas da EE é a sua internacionalização. Com novo site, publicação
em inglês e português, editoria internacional de renome, melhoria no seu
fator de impacto, mas preservando a tradição de heterogeneidade e de
qualidade da EE. Pretendemos ter um rank internacional de destaque em
breve.

A EE conta atualmente com 27 coeditores especializados e independentes de
modo a termos uma avaliação justa e rápida dos papers submetidos na EE.


Não acredito que o Delfim Netto (novo Patrono), seja o nome ideal para iniciar este processo. Porém, torço para que dê certo.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Bem estar social

O nosso correspondente para assuntos relacionados ao interior da Paraíba, Honórios Causa, enviou uma matéria, no mínimo, curiosa.

Dado que um dos objetivos do blog é contribuir com o bem estar social, resolvi reproduzi-la:

Aposentado de 64 anos procura uma noiva para casar e oferece casa, comida e roupa lavada



O aposentado Sebastião Nunes de Souza (foto), 64 anos, residente no Sitio Riachão dos Anísios no município de Sousa compareceu no programa Boca Quente parte 2, da Difusora Rádio Cajazeiras à procura de uma noiva para casar. Solitário o aposentado afirmou que precisa de uma companheira para compartilhar os bons e maus momentos da vida. Ele disse que é compromisso sério e oferece casa comida e roupa lavada para a sua pretendente. Confiante em conseguir uma noiva, o senhor Sebastião deixou telefone de recado: TIM (83)9629-3623 e Claro (83)9167-2268. As interessadas corram e ligue logo para o aposentado solitário.

Fonte: Blog do Ricardo Pereira.